Home > Notícias do Centro > Notícias > Prefeitura entrega 2º Prêmio Prestes Maia de Urbanismo

Prefeitura entrega 2º Prêmio Prestes Maia de Urbanismo

25/05/2006

Prefeitura entrega prêmio a projetos com soluções para o Minhocão

 

Por Wellington Alves

 

Soluções para o Elevado Costa e Silva ? o Minhocão ? foram o objeto da 2º edição do Prêmio Prestes Maia de Urbanismo, cuja nomeação dos vencedores ocorreu nesta sexta-feira (5/5), no auditório da Prefeitura de São Paulo, no 7º andar do Edifício Matarazzo. O evento contou com a presença do prefeito Gilberto Kassab e do secretário de Planejamento (Sempla), Francisco Vidal Luna.

 

O projeto vencedor foi o da arquiteta Juliana Corradini, que recebeu um prêmio de R$ 50 mil. Ao todo houve a inscrição de 47 projetos, ou seja, quatro vezes mais do que na primeira edição do prêmio, em 1998, cujo interesse foi de apenas 12 projetos. A segunda colocação ficou com Fernando Ventura Gutierrer, seguido de Marcelo Alex. Além deles, quatro projetos receberam menções honrosas. Foram os de Bruno Roberto, Lourenço Urbano, Leandro Rodolfo e Marcos Leite.

 

José Alves, sócio de Juliana e que ajudou na elaboração do projeto, explicou que a idéia deles não seria a demolição do Minhocão por sua inviabilidade, mas aproveitar a estrutura e os equipamentos urbanos existentes para a elaboração de um novo complexo. Isso se daria pelo acoplamento de uma estrutura metálica ao Minhocão. Em cima se fariam parques lineares e 12 galerias.

 

O investimento seria de R$ 86 milhões em 9 anos. Haveria também melhora na iluminação, na acústica e instalação de novos prédios para fazer o acesso, com o apoio da Operação Urbana Centro. Alves indica que seria necessário a interdição de uma via de tráfico e que a construção começaria no sentido Centro ? Leste. Os dois demoraram um mês para elaborar o projeto.

 

O prefeito na solenidade destacou feitos do ex-prefeito Prestes Maia e o interesse dos paulistanos em discutir sobre soluções para o Minhocão. Para os jornalistas, Kassab disse que todos os projetos seriam avaliados para uma possível efetivação, mas não garantiu obras no Minhocão. Falou que é possível juntar um ou mais projetos. No entando, afirmou que acharia leviandade garantir uma obra desse porte sabendo dos custos elevados.

 

 IAB

 

Sobre o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), que se retirou do prêmio há menos de 20 dias, Kassab disse que a instituição tem grande credibilidade e todo direito de divergir em algum aspecto. O IAB se retirou do concurso por questionar o direito da Prefeitura de concretizar um dos projetos sem o ressarcimento posterior de seus autores.

 

Segundo técnicos da Sempla, ?os engavetamentos de projetos nem sempre dependem do setor público?. A concretização de algum projeto pode até ocorrer, mas não é uma certeza por causa dos elevados custos.

 

O Prêmio Prestes Maia de Urbanismo foi instituído em 1997, tendo sua primeira edição um ano depois, com a idéia de propor iniciativas em planejamento e engenharia urbana. A entrega dos prêmios será em cinco dias se não houver recursos até lá. Não há previsão de outro concurso do tipo até o final da gestão Kassab.

 

Deixe Seu Comentário:

Gostou? Então compartilhe.